19 de agosto de 2010

Com quem se parece?



Um olhar de alegria
Um choro de fome
Um riso de sono
Umas mãos ansiosas
Uns pés nervosos

Parece com anjo,
Que sorri do vento.

Parece com sol,
Que irradia vida ao amanhecer.

Parece com lua,
Que ilumina as noites e embala o amor.

Parece com sonho, parece com ele, parece com ela,
Parece comigo, e tem um pouco também de você.

1 comentários:

JunioOoOor disse...

as grandes poesias começaram assim...

Postar um comentário

Metendo o bedelho onde foi chamado.